6)

  A       B        C        D        E




7) O fato de o ferro existir predominentemente na forma oxidada no sistema gerador de energia da célula tem como justificativa:
A. prevenir ou limitar a participação do ferro em reações oxidativas
B. a transição do reino vivo para um meio ambiente aeróbico
C. o tamanho das moleculas organicas que contêm ferro reduzido e muito menor
D. o armazenamento mais fácil do ferro trivalente (ferrico)
E. a forma ferrica é altamente solúvel e com excelente biodisponibilidade

  A       B        C        D        E




8) Sobre a forma aguda/subaguda de paracoccidioidomicose é VERDADE:
A. é a forma clinica mais frequente, acometendo quase 90% da população doente
B. a falta da adenomegalia o principal elemento de disgnostico diferencial com a sindrome a sindrome Verrucosa (TB, Esporotricose, Leishmaniose Tegumentar Americana, Cromomicose) e Sífilis
C. o período de incubação a de meses ou até mesmo anos
D. a sintomatologia consta, quase invariavelmente, de febre, fraqueza astenia e emagrecimento
E. dentre as visceras, a mais frequentemente afetada é a supra-renal

  A       B        C        D        E




9) A anemia ferropriva faz parte do grupo das doenças carenciais mais freqüentes na infância. Em relação a esta patologia, marque a seqüência correta de assertivas Verdadeiras (V) e/ou Falsas (F).
( ) O diagnóstico clínico é feito quando as reservas de ferro no organismo já estão bastante reduzidas.
( ) a absorção do Fe++ é maior quando administrado durante refeições ricas em leite e derivados e fitatos.
( ) A reposição de ferro deve ser feita em um período máximo de 30 dias.
( ) em condições normais, o organismo perde grande quantidade de ferro, através das fezes, urina e da pele.
( ) O teor de ferro do leite materno é satisfatório para a criança nos primeiros meses de vida, porque é muito bem absorvido.
A. F, V, F, V, F
B. V, F, F, F, V
C. V, V, F, F, V
D. F, F, V, F, V
E. F, V, V, V, F

  A       B        C        D        E




10) A tecnica considerada como o padrão-ouro para o diagnóstico da infecção pelo HCV é:
A. ensaio imunoblot recombinante (RIBA)
B. polimerase chain reaction (PCR)
C. enzyme -like imunossorbent assay (técnica ELISA)
D. RFLP (restriction fragment lenghtpolymorphism)
E. técnica de PCR precedida de transcrição reversa

  A       B        C        D        E




CIRURGIA (10 QUESTÕES)

11) Com relação às hérnias femorais, considere as assertivas abaixo:

I) São resultantes da persistência do conduto peritônio-vaginal, sendo freqüentemente bilaterais.
II) Constituem causa comum de obstrução intestinal aguda em mulheres jovens.
III) O diagnóstico diferencial deve incluir linfadenite, lipoma e aneurisma de artéria femoral.

Quais são corretas?
A. apenas I
B. apenas II
C. apenas III
D. apenas I e III
E. I, II e III

  A       B        C        D        E




12) O diagnostico de IPTM (intraductal papillary mucinous tumor) ou seja carcinoma pancreatico intraductal papilar e sugerido pelo:
A. sinal do duplo ducto na CPRE
B. muco sendo expulso através de uma abertura papilar em boca de peixe na CPRE
C. vesícula palpável em paciente com icterícia indolor
D. um nível muito alto de CA 19-9
E. o início recente de diabete melito

  A       B        C        D        E




13) Qual é o parâmetro mais importante na avaliação pré-operatória da reserva funcional hepática?
A. tempo de protrombina
B. tempo parcial de tromboplastina
C. albuminemia
D. bilirrubinemia
E. transaminases

  A       B        C        D        E




14) Sobre a adenocarcinoma de esôfago pode se afirmar que:
A. atualmente o tipo celular mais comum do câncer de esôfago no Brasil
B. surge a partir de glândulas profundas e superficiais do esôfago
C. e predileto no terço superior do esôfago
D. e mais frequente na raça negra
E. e mais frequente nas mulheres

  A       B        C        D        E




15) O megaesôfago é classificado de acordo com sua gravidade em quatro categorias. (I - IV). No primeiro grau e caracteristico:
A. alteração do calibre esofágico
B. terminação afilada gradual
C. aumento no tempo de trânsito do contraste
D. dilatação
E. esôfago visível sem contraste

  A       B        C        D        E




16) Mulher de 40 anos apresenta traumatismo torácico. A radiografia de tórax evidencia hemopneumotórax. Realizada drenagem pleural subaquática. Haveria indicação de toracotomia nesse caso se:
A. a ferida fosse aspirativa
B. a drenagem imediata fosse de 1500 ml de sangue
C. a drenagem imediata fosse de 1500 ml de sangue
D. a drenagem horária fosse de 100 ml de sangue durante três horas
E. a drenagem horária fosse de 200 ml de sangue durante três horas

  A       B        C        D        E




17) Podem ser indicador valioso da reserva hepática limitada em alguns pacientes com testes de função hepática convencionais próximos à normalidade:
A. o teste do hidrogênio expirado
B. medida da pressão venosa hepática encunhada (Hepatic Venous Wedge Pressure — HVWP)
C. o teste de ureia marcada pelo carbono na respiração
D. teste de suor
E. teste de respiração da aminopirina

  A       B        C        D        E




18) Indiquem qual dos seguintes fatores NÃO esta correlacionado com o risco perioperatorio na troca de valva aortica:
A. idade
B. função ventricular esquerda
C. classe funcional da New York Heart Association
D. função pulmonar
E. valva bicuspide

  A       B        C        D        E




19) Indica a definição CORRETA do ligamento de Treitz:
A. arcada conjuntiva que faz trajeto pelo inteiro mesentério
B. uma formação conjuntiva que forma uma limíte demarcatória entre o jejuno e o íleo
C. dobra peritoneal que ancora o ângulo duodenojejunal
D. dobras transversas (plicas circulares), que são proeminentes no interior do duodeno distai e no jejuno
E. a camada mais externa do intestino delgado que consiste numa extensão do peritônio visceral

  A       B        C        D        E




20) O triângulo de Calot é um importante repéro anatômico na cirurgia da vesícula biliar, pois é utilizado para identificar as estruturas, sendo composto por:
A. canal cístico, colédoco e borda inferior do fígado
B. artéria cística, colédoco e ducto cístico
C. canal cístico, artéria cística e borda inferior do fígado
D. canal cístico, hepático comum e artéria hepática
E. canal cístico, hepático comum e a borda inferior do fígado

  A       B        C        D        E




PEDIATRIA (10 QUESTÕES)

21) Lactente de três meses vem há 12 dias com tosse em acessos e leve dificuldade respiratória. Encontra-se apirético, com ausculta pulmonar normal e freqüência respiratória de 56 irpm. Radiografia de tórax mostra retículo-nodular peri-hilar bilateral. Hemograma com discreta leucocitose e eosinofilia, sem linfocitose. Qual o agente etiológico mais provável desta pneumonia?
A. Listeria monocytogenes
B. Chlamydia trachomatis
C. Mycoplasma pneumoniae
D. Nocardia brasiliensis
E. Haemophilus influenzae

  A       B        C        D        E




22) Mãe adolescente traz o filho de 24 dias, relatando "assadura" na região perineal. No exame local observa-se eritema brilhante, confluente, com aspecto envernizado, acometendo a parte inferior do abdomen, coxas, perineo e escroto. Mãe afirma que tudo começou 5 dias atrás. Sobre um tal caso, é CORRETO afirmar que:
A. a mãe precisa parar utilizar a marca respectiva, porque a mais provável etiologia é a alergia á fralda
B. vai indicar a troca horária das fraldas
C. a etiologia mais provavel é uma infecção urinaria com coliforme
D. o tratamento eletivo inclui os corticoides de alta potência, porque já passaram mais de 3 dias de evolução
E. ácido bórico e pó talco (pó de amido) são principios ativos muito eficientes nas infecções com Candida

  A       B        C        D        E




23) A aura que precede a crise epileptica nas crianças e representada mais frequente por:
A. cefaleia acompanhada de náuseas
B. epistaxis
C. tremor das mãos
D. nistagmo
E. sensação de medo

  A       B        C        D        E




24) Criança com um ano e meio de idade retorna para reavaliar quadro de otite média aguda. urna semana após a introdução de amoxicilina na dose de 40mg/Kg/dia. Ficou afebril 48 horas após a introdução do tratamento, porém, ainda apresenta efusão e hiperemia na membrana timpânica esquerda. Qual a melhor conduta?
A. aumentar a dose de amoxacilina para 80 mg/kg/dia e manter o tratamento por mais de 10 dias, pois a dose de antibiótico originalmente prescrita é mais baixa do que a atualmente preconizada
B. trocar o antibiótico para um de mas amplo espectro (cefalosporina ou a associação amoxicilina-clavulanato), pois a efusão provavelmente se deve à presença de germe produtor de beta-lactamase
C. recomendar o uso associado de antiinflamatório não hormonal, para abreviar a resolução do quadro de efusão
D. prescreve um descongestionante por via oral, para abreviar a resolução da efusão do ouvido médio e aumentar o tempo de tratamento com amoxicilina para duas semanas
E. manter o antibiótico até completar 10 dias e reavaliar a criança após o término do tratamento

  A       B        C        D        E




25) Em recém-nascidos com candidíase sistêmica são considerados como exames imprescindíveis:
(I) as culturas do tubo endotraqueal
(II) a punção lombar com análise do licor
(III) a hemocultura e a urocultura
(IV) o exame oftalmologico

São verdadeiras:

A. I, II e III, apenas
B. I e III apenas
C. II e IV, apenas
D. I e IV apenas
E. II e III apenas

  A       B        C        D        E




26) O agente etiologico da febre faringoconjuntival é:
A. o virus parainfluenza
B. o virus Coxsackie A
C. o vírus Epstein-Barr
D. o Haemophilus influenzae
E. o adenovirus

  A       B        C        D        E




27) A gravidade da doença reumatica pós-streoptococica e avaliada utilizando como critério:
A. o grau de anquilose articular
B. extensão do comprometimento cardíaco
C. o grau de comprometimento renal
D. o grau de derrame pericardico ou pleural
E. o titulo de fator reumatoide

  A       B        C        D        E




28) Para o tratamento da tinea capitis, o remedio eletivo é:
A. terbinafina - 3 a 6 mg/kg/dia, durante 2 a 6 semanas
B. terbinafina - 5 a 10 mg/kg dose unica
C. itraconazol de 3 a 5 mg/Kg/dia, dose unica
D. fluconazol de 6mg/kg/dia durante 20 dias
E. griseofulvina 10 a 20 mg/Kg/dia, durante seis a oito semanas

  A       B        C        D        E




29) Na presença de abscesso renal e caracteristico:
A. a contagem de leucócitos além de 20.000 a 25.000/mm3
B. neutrofilia
C. elevada taxa de hemossedimentação
D. proteína C reativa
E. cilindros leucocitários no sedimento urinário

  A       B        C        D        E




30) Em relação as vacinas é INCORRETO afirmar:
A. após transfusões de sangue ou plasma ou uso de imunoglobulinas, deve-se adiar a aplicação de vacinas de vírus vivo por 8 a 12 semanas, e as outras vacinas podem ser feitas, mas devem ser repetidas após 12 semanas
B. A vacina tríplice DPT acelular não deve ser aplicada em crianças que tiveram reação neurológica grave (convulsão, encefalopatia, choque hipotônico) com dose anterior da DPT convencional
C. A vacina contra hepatite B deve ser feita em doses, sendo a primeira ao nascer (de preferência nas primeiras 12 horas de vida); a segunda dose 1 mês após a primeira e a terceira dose, seis meses após a primeira
D. Não é recomendável aplicar a vacina antivaricela no mesmo dia de outras vacinas como a MMR, DPT e anti-haemophilus B
E. a vacina contra caxumba administra-se em dose unica

  A       B        C        D        E




OBSTETRICIA GINECOLOGIA (10 QUESTÕES)

31) A melhor modalidade para avaliar a gravidade do choque causado pelo descolamento prematuro da placenta consta em:
A. avaliar a quantidade de sangue perdida pela ultrassonografia
B. presença de sintomas caracteristicos: palor, agitação, ansiedade, hipotensão, pulso filiforme
C. a avaliação dos batimentos cardíacos fetáis (BCF)
D. a avaliação da diurése
E. medir a pressão venosa central

  A       B        C        D        E




32) As alterações renais da pré-eclampsia como: proteinúria, oligúria, anúria e redução do fluxo plasmático e da filtração glomerular renal têm como principal causa:
A. isquemia renal do tipo necrose tubular aguda
B. a reatividade reduzida da angiotensina II e da noradrenalina
C. a hemoconcentração
D. a tumefação das células endoteliais glomerulares
E. aumento dos níveis de endotelina-I e diminuição dos níveis de antitrombina III

  A       B        C        D        E




33) A melhor descrição evolutiva da tumor filóide de mama (cistosarcoma phylloides) é a seguinte:
A. crescimento rápido e tendência a recidiva
B. crescimento lento e tendencia á fistulização
C. crescimento lento e tendência á malignidade
D. crescimento rápido e tendencia á malignidade
E. estacionario e tendencia a regressão espontânea

  A       B        C        D        E




34) Para o tratamento tocolítico em caso de parto prematuro utiliza-se:
A. alfa 1 agonista seletivo
B. alfa agonista neseletivo
C. beta-1 agonista seletivo
D. beta-agonista não seletivo
E. beta-2 agonista seletivo

  A       B        C        D        E




35) A evolução da gravidez ectopica angular é a seguinte:
A. o ovo cai na cavidade peritoneal, sendo seguido de uma pequena hemorragia, ou pode ficar mesmo “in situ”, desenvolvendo uma “mola ovariana”, ou, praticamente, absorvendo-se
B. a gravidez pode acabar num parto prematuro ou pode surgir rotura uterina ou abortamento
C. raramente a gravidez passa de 12 semanas, precisando de intervenção cirúrgica, devido ao sangramento local
D. rotura da trompa e queda do ovo no abdome, na maioria dos casos, o ovo localizando-se no fundo de saco Douglas
E. deformação da trompa, amolecimento local, rotura dos vasos, e finalmente, rotura de trompa com importante hemorragia intraabdominal

  A       B        C        D        E




36) Doença hipertensiva vascular crônica grave (DHVC) na gestante tem sinais clinicos como:
I) eletrocardiograma com evidências de hipertrofia ventricular esquerda
II) escotomas
III) pressão arterial ≥ 150/100 mmHg
IV) descolamento de retina

São verdadeiras:

A. I, II, III, IV
B. I, II, III
C. I, II
D. I e III
E. apenas I

  A       B        C        D        E




37) Em caso de pré-eclampsia mal-tratada existe o maior risco de morte materna que acontece devido á:
A. trombose da veia renal
B. falência hepática
C. hemorragia cerebral
D. desidratação aguda
E. insuficiência cardíaca global

  A       B        C        D        E




38) Os exames complementares que possibilitam a avaliação da maturidade fetal são:
A. dopplerflluxometria da artéria umbilical e espectrofotometria do líquido amniótico
B. prova de Pose e dosagem do hormônio gonadotrófico coriônico
C. teste de Weiner e dosagem do hormônio gonadótrófico coriônico
D. teste de Clements e dosagem de fosfatidilglicerol
E. cardiotocografia basal e perfil biofísico fetal

  A       B        C        D        E




39) Como recomendação dietética para o tratamento das hipercolesterolemias, recomenda-se que a ingestão de fibras ao dia seja de:
A. 20 a 30 g
B. 15 a 40 g
C. 10 a 15 g
D. 5 a 10 g
E.  1 a 2 g

  A       B        C        D        E




40) O diafragma é um dos métodos anticoncepcionais de barreira muito utilizado, porém existem situações que contra-indicam o seu uso, como por exemplo:
A. cesariana prévia
B. aumento da prolactina
C. irregularidade menstrual
D. útero em retroversão acentuada
E. obstrução tubária uni ou bilateral

  A       B        C        D        E






SAUDE PUBLICA (10 QUESTÕES)

41) Segundo a Lei Orgânica da Saúde, de setembro de 1990, que dispõe sobre o Sistema Único de Saúde, NÃO é da competência do nível municipal:
A. executar serviços de vigilância epidemiológica;
B. gerir laboratórios públicos de saúde e hemocentros;
C. normatizar a vigilância sanitária de portos, aeroportos e fronteiras;
D. controlar e fiscalizar os procedimentos dos serviços privados de saúde;
E. planejar, organizar, controlar e avaliar as ações e os serviços de saúde.

  A       B        C        D        E




42) Qual a limiar epidêmico de uma doença que apresenta uma média de 4.5 casos por ano e desvio-padráo de 12 casos? (Considere um intervalo de confiança de 95%).
A. 6,8 casos
B. 5,7 casos
C. zero
D. 3,3 casos
E. 4,5 casos

  A       B        C        D        E




43) São etapas da implantação do PSF, exceto:
A. Solicitar formalmente ao Ministério da Saúde a adesão do município ao PSF.
B. Selecionar, contratar e capacitar os profissionais que atuarão no programa.
C. Identificar as áreas prioritárias para a implantação do programa; mapear o número de habitantes em cada área.
D. Calcular o número de equipes e de agentes comunitários necessários.
E. N.R.A.

  A       B        C        D        E




44) A curva do Gauss e o resultado da distribução das valores de uma variavel real. O eixo central da curva é:
A. a moda
B. a media
C. a mediana
D. o desvio padrão 0
E. nenhuma das anteriores

  A       B        C        D        E




45) As lesões por esforços repetitivos (LER) hoje intituladas DORT (distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho) são um grande problema de saúde pública em nosso meio. Pode- se afirmar que:
A. as causas dessas patologias são por desajustes na organização do trabalho e devido ao esforço repetitivo
B. vários fatores influenciam o desencadeamento dos DORT: a organização do trabalho, a jornada, aspectos biomecânicos. aspectos gerenciais e aspectos psicossociais
C. o desemprego no país é hoje a causa principal do aparecimento desta patologia
D. o afastamento da função e mudança de local de trabalho ou diminuição da velocidade de exercício das tarefas tem levado a um restitutio ad integrum para estas patologias
E. o fortalecimento do aparelho biomecânico. principalmente dos membros superiores, tem evitado o surgimento deste grupo de patologias

  A       B        C        D        E




46) Em caso de óbito fetal:
A. deve ser emitida uma Declaração de Nascido Vivo (DN) e uma Declaração de óbito (DO)
B. deve ser considerada como óbito de menor de 1 ano (óbito infantil) e entrar no cálculo do coeficiente de mortalidade infantil (CMI)
C. o caso entra no calculo de coeficiente de mortalidade neonatal precoce
D. é componente da estimativa do risco que as crianças nascidas vivas tem de morrer antes de completar um ano de idade
E. todas as afirmações acíma estão erradas

  A       B        C        D        E




47) As caracteristicas dos Conselhos de Saúde são:
A. carácter permanente
B. o presidente e nomeado pela estrutura superior hierárquica
C. um numero de maximo 15 componentes, incluindo o presidente do consílio
D. os usuarios tem que ser representados em pelo menos 25% dos conselhos
E. Os conselhos de saúde estão estruturados nos três níveis de governo: municipal, regional e federal

  A       B        C        D        E




48) Podemos falar de vies de aferição quando:
A. nos estudos de caso controle sempre o caso lembre mais que o controle
B. a associação entre um fator presumido causal e o desfecho e fortuita
C. os pacientes de um dos grupos têm maior chance de ter seu desfecho clínico detectado
D. uma terceira variável (variável confundidora) está associada com a exposição e, independente da exposição, é um fator de risco para a doença
E. grupos de comparação não são semelhantes em relação a todas as variáveis

  A       B        C        D        E




49) O coeficiente de mortalidade infantil pode ser dividido em:
A. coeficiente de mortalidade neonatal e coeficiente de mortalidade pós-neonatal
B. coeficiente de mortalidade perinatal e coeficiente de mortalidade infantil tardia
C. coeficiente de mortalidade perinatal e coeficiente de mortalidade neonatal
D. coeficiente de mortalidade perinatal e coeficiente de mortalidade neonatal tardia
E. coeficiente de mortalidade neonatal precoce e coeficiente de mortalidade neonatal tardia

  A       B        C        D        E




50) Segundo a Lei nº 8080/90, constitui um critério para o estabelecimento de valores a serem transferidos a estados, Distrito Federal e municípios:
A. participação paritária dos usuários no conselho de saúde;
B. prioridade para o atendimento hospitalar;
C. desempenho técnico, econômico e financeiro no período atual;
D. eficiência na arrecadação de impostos;
E. perfil epidemiológico da população a ser coberta.

  A       B        C        D        E



Nenhum comentário:

Postar um comentário